Goleiro Bruno pode ser julgado pelo STF


Goleiro Bruno pode ser julgado pelo STF na próxima terça-feira (24).
Em liberdade desde 24 de fevereiro, o goleiro Bruno pode ser julgado novamente, na próxima terça-feira (25), dessa vez pela Primeira Turma do Superior Tribunal Federal. O julgamento ocorrerá em função da solicitação do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, para que o STF revogue a liberação do jogador.

ver mais notícias