Vasco terá maratona de 13 jogos em 42 dias na Série B

Invicto há 29 partidas (o recorde histórico do clube, de 1997, é de 31 jogos), o Vasco verá a força de seu elenco testada com a maratona que começa neste terça-feira, contra o Vila Nova, em Brasília, pela terceira rodada do Brasileiro. A partir deste jogo, a tabela da Série B entra numa fase de dois jogos por semana até a 15ª rodada, em 5 de julho, quando o time vascaíno receberá o Brasil de Pelotas. Neste intervalo, serão 13 partidas em 42 dias.

É previsível que desfalques aconteçam por lesões e cartões, e a primeira ausência já é conhecida: o goleiro Martín Silva vai se integrar nesta segunda-feira à seleção uruguaia para a disputa da Copa América, nos Estados Unidos, em junho. Na melhor hipótese para o Vasco, ou seja, com o Uruguai sendo eliminado na primeira fase, Martín perderá sete jogos da Série B.

— O Jordi vem tendo um crescimento muito grande, tem estatura, agilidade, sai bem do gol. É muito bom, corajoso, personalidade forte e precisa de jogo. Com uma sequência de atuações, vai crescer — disse o técnico Jorginho sobre o substituto de Martín.

Outro problema pode ser conhecido ainda nesta segunda-feira. O meia Andrezinho deixou o jogo do último sábado, contra o Tupi, após sentir a coxa logo aos cinco minutos. Ele será reavaliado em São Januário para saber se viaja para enfrentar o Vila Nova. Contra o Tupi, seu substituto foi o jovem Evander, que pode ganhar a posição.

ver mais notícias