Liberada por federação, curitibana é a 1ª trans autorizada a jogar em times femininos no Brasil

Federação Paranaense de Vôlei (FPV) deu liberação na quinta-feira (2). Isabelle, de 25 anos, estreou oficialmente em time feminino no domingo (5).

 

Isabelle Neris, de 25 anos, é a primeira transsexual autorizada no país a jogar por times femininos de vôlei. Na quinta-feira (2), a atleta foi teve liberação para competir em torneios ligados à Federação Paranaense de Vôlei (FPV). No domingo (5), ela estreou oficialmente em um time feminino em um torneio amador de São José dos Pinhais, na Região de Curitiba.

A parte administrativa das “Voleiras” para receber liberação para os campeonatos federais, entrou em contato com a federação depois de a atleta demonstrar interesse nas competições oficiais.

Conforme superintendente da FPV Jandrey Vicentin, não há nenhuma regulamentação oficial para casos como o de Isabelle, que é o primeiro do país. “É um fato novo. No documento dela, consta sexo feminino e nós quisemos garantir os direitos civis dela”, disse.

Além disso, Jandrey relatou que fez um pedido de ajuda para a Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) para que um estudo científico seja feito para casos como esse. A intenção é garantir ainda mais os direitos esportivos e civis para pessoas trans.

 

ver mais notícias