Kobe Bryant e LeBron James fazem último capítulo da ‘rivalidade que nunca foi’

A noite de quinta-feira reservou o capítulo derradeiro de chamada “rivalidade que nunca foi’ na NBA. LeBron James e Kobe Bryant se enfrentaram pela última vez nas quadras de basquete profissional dos EUA — já que Bryant anunciou sua aposentaria ao final desta temporada, e seu time, o Los Angeles Lakers, dificilmente avançará aos playoffs. O Cleveland Cavaliers de LeBron saiu vitorioso sobre o Lakers, por 120 a 108.

A disputa entre LeBron e Kobe é considerada uma rivalidade nunca concretizada principalmente porque ambos nunca se enfrentaram em jogos de playoffs da NBA. Também não há episódios polêmicos fora das quadras: no início da temporada, o astro dos Lakers chegou a afirmar que não considerava LeBron um rival, e sim “parte de uma geração completamente diferente”.

Dos cinco títulos de NBA de Kobe Bryant, hoje com 31 anos, os três primeiros foram conquistados quando LeBron sequer era profissional. O atual craque do Cleveland Cavaliers levantou seus dois canecos de NBA em 2012 e 2013, quando atuava pelo Miami Heat. LeBron e Kobe foram companheiros nos últimos dois ouros olímpicos da seleção americana, em Pequim-2008 e Londres-2012.

Embora tenha a pior campanha da Conferência Oeste, o Lakers entrou disposto a fazer um jogo equilibrado contra os Cavaliers, vice-campeões na última temporada. Depois de um primeiro quarto disputado ponto a ponto, a equipe de Cleveland passou a abrir vantagem comandada por Kyrie Irving, que anotou 26 pontos, nove assistências e dois rebotes. Bryant, por sua vez, foi o cestinha dos Lakers, com 26 pontos, além de cinco rebotes e duas assistências.

Apesar do brilho de Irving, no segundo quarto todas as atenções se voltaram para o duelo entre Kobe e LeBron. Em pouco mais de um minuto, os dois marcaram um total de 14 pontos. LeBron terminou o jogo com 24 pontos e sete assistências, ajudando a trazer mais uma vitória para Cleveland.

ver mais notícias