Chocolate brasileiro é o preferido da Rainha Elizabeth II

chocolate-q-rainha-eleizabeth

O melhor chocolate que a Rainha Elizabeth II declarou já ter provado foi brasileiro — e dado de presente. E presentear a rainha não é algo simples. É necessário pedir permissão, ser apresentado e contar a história da marca. “Fomos convidados para participar de um baile e pedimos o direito de presenteá-la.Ela não aceita sempre, pois pode se comprometer. Depois de enviarmos a caixa do Q0, recebemos uma carta de sua secretária pessoal agradecendo”, conta a chef Samantha Aquim, criadora do chocolate em questão. Vendido apenas para quem já tem a caixa específica do produto, foi, por enquanto, reposto uma vez pela autoridade inglesa.

chocolate-q-alexandre-landau

O curioso é que, apesar de ter recebido diversos prêmios e conhecido fábricas de chocolate na Europa, Samantha nunca tinha visto um pé de cacau. Decidiu então ir para o sul da Bahia. Trouxe de uma única fazenda o sabor singular do cacau que compõe os doces da marca. “Senti os aromas e percebi que eles precisavam estar no meu produto”, diz.

chocolate-q-alexandre-landau-2

Sua criação chega o mais próximo possível do cacau puro. Além de já estar à venda na Fortnum & Mason, em Londres, acaba de entrar na gigante Harrod’s, tornando-se o primeiro chocolate brasileiro a ser vendido na loja.

Com design exclusivo, desenvolvido pelo arquiteto Oscar Niemeyer, a linha Q0 é vendida em uma caixa criada especialmente para o ritual da degustação do chocolate. Vem com uma pinça de ouro para a manipulação do produto e 18 pastilhas de diferentes graduações de cacau — 30%, 50%, 70% e 100%.

Por 1.980 reais é possível notar a suavidade dos aromas frutados e intensidade das notas de amêndoa. Para nenhuma rainha colocar defeito.

ver mais notícias