Cafés da manhã ao redor do mundo

“O café da manhã é a refeição mais importante do dia”. Não importa se da mãe, de amigos ou de um médico, todo mundo já ouviu essa frase na vida. E se ela realmente é verdadeira, devemos considerar que o desjejum, até mais do que as outras refeições, carrega muito da cultura de um povo.

A nossa inevitável curiosidade é responsável por fazermos a pergunta: “O que será que as pessoas de outros lugares comem quando acordam?”. Vamos ver em belas fotos de dar água na boca a resposta para essa pergunta.

Brasil – Café, pão (normalmente o tal “francês”), manteiga, queijo, geleia de frutas e frios, como presunto e muçarela.

Alemanha – Café, pão preto, uma grande variedade de queijos locais e os famosos salsichões defumados.

Argentina – Croissants e mate.

Austrália – Vegemite, uma pasta marrom escura feita de extrato de levedura, um produto residual da fabricação de cerveja. Seu sabor é superforte e bastante salgado, e normalmente é consumido com pão ou torradas. Além do café, claro.

China – Macarrão oriental, acompanhado de vegetais fritos e bastante shoyu. Também pode acompanhar arroz e carne de frango.

Egito – ‘ful medames’ um prato típico feito com feijões de fava, grão-de-bico, óleo vegetal, cominho e outros temperos, como alho, cebola, cebolinha, limão, azeite e pimenta. Acompanha ovos cozidos, pão árabe e chá.

Espanha – Fatias de pão fresco cobertas com um molho espesso de tomate bem temperado com alho, além de suco de laranja e café. O azeite dá o toque especial nessa iguaria.

Estados Unidos – Um clássico dos filmes: ovos mexidos, bacon frito e panquecas. Bebida: café (bem fraco, por sinal).

França – Croissants, acompanhados de manteiga, geleia de frutas, café e suco de laranja. Ah, também não pode faltar a famosa baguete e os incríveis queijos franceses.

Inglaterra – ovos, bacon, tomates chapeados, feijão-vermelho adocicado, linguiça, cogumelos e black pudding, uma linguiça feita de sangue, parecida com o nosso chouriço ou morcela.

Islândia – Thorramatur – carne de tubarão fermentada debaixo da terra por três meses, testículos de carneiro comprimidos em blocos, cozidos e curados em ácido lático, uma cabeça de ovelha cozida inteira, também curada em ácido lático, um tipo de salsicha feita com fígado de carneiro e uma espécie de chouriço de sangue de ovelha, misturado com farinha de centeio e aveia.

Itália –  Cappuccino feito com os melhores grãos de café (forte, é claro) e um delicioso croissant.

Japão – Tofu mergulhado no shoyu e com raspas de gengibre.

México – Nachos, chilaquiles, queijo, feijão e carne.

 

ver mais notícias