Dior vai desfilar em Londres sua coleção cruzeiro 2017

A Dior se desloca à cidade de Londres para revelar sua coleção cruzeiro 2017. A maison confirmou que vai desfilar a 31 de maio no Blenheim Palace, espécie de Versalhes inglesa situada a uma dezena de quilômetros de Oxford, não muito longe da capital britânica. Neste mesmo castelo, Christian Dior apresentou nos anos 1950 suas criações à duquesa de Marlborough, proprietária do local.

O desfile ocorrerá dois dias antes do espetáculo programado pelo diretor criativo da Gucci, Michele Alessandro, a 2 de junho, na Abadia de Westminster em Londres.

Nesta ocasião, a Dior pode revelar a primeiríssima coleção do seu novo diretor artístico. Segundo rumores cada vez mais persistentes, é o criador Jonathan Saunders que a casa de moda do grupo LVMH teria escolhido para suceder a Raf Simons. Este último jogou a toalha em outubro passado.

Na realidade, Jonathan Saunders exibe o perfil ideal para assumir este posto. É um dos nomes mais seguidos da Fashion Week de Londres, onde desfila há 12 anos com sua marca homônima lançada em 2013.

Formado em design têxtil pela Glasgow School of Art, depois pela Central Saint Martins School of Design em 2002, o talentoso criador escocês se fez notar muito rápido pelo pequeno mundo da moda graças às suas estampas, suas cores intensas e seus cortes sofisticados.

Por outro lado, ele exibe uma bela experiência dentro das Maisons, já que trabalhou para a Alexander McQueen, Emilio Pucci e Chloé. Foi também o diretor criativo da calçadista Pollini. Enfim e, principalmente, o designer está livre e aparentemente disponível.

No início de dezembro, Jonathan Saunders anunciou sua demissão do posto de diretor criativo, bem como o abandono da sua própria grife. Uma decisão ainda mais surpreendente que, no início de 2015, sua marca recebeu um investimento da herdeira indiana Eiesha Bharti Pasricha…

ver mais notícias