CM7

     
 
 
Manaus, 17 de outubro
Mercado financeiro
Dólar
Euro
 
 
Home / Colunas / Ciência e Tecnologia / Nomes de novos elementos da tabela periódica são apresentados

Nomes de novos elementos da tabela periódica são apresentados

Da redação | 09/06/2016 06:20

RIO — Quatro elementos da tabela periódica identificados no fim do ano passado serão finalmente batizados. Os nomes propostos foram divulgados esta quarta-feira pela equipe responsável pela descoberta. Moscovium, nihonium, tennessine e oganesson são, respectivamente, homenagens a Moscou, Japão, ao estado americano de Tennessee e ao cientista russo Yuri Oganessian.

As propostas foram encaminhadas à União Internacional de Química Pura e Aplicada, que recomendará a aprovação dos nomes. O período para comentários do público terminará no dia 8 de novembro.

Os elementos completam a sétima fileira da tabela periódica. Até agora, eram conhecidos pelos nomes latinos de seus números atômicos — ununtrium (113), ununpentium (115), ununseptium (117) e ununoctium (118).

Os nomes dos elementos químicos podem vir de lugares (como americio, em homanagem às Américas), da mitologia (titânia, por exemplo), de nomes de cientistas (einstenio, uma referência a Albert Einstein) ou de traços do elemento (o cloro, por exemplo — “chloros” é, em grego, amarelo-esverdeado).

O moscovium (símbolo Mc, elemento 115) e o tennessine (Ts, 117) foram descobertos por cientistas russos e americanos. O nihonium (Nh, 113), identificado por pesquisadores japoneses, foi o primeiro elemento químico descrito na Ásia, e lembra a palavra “Nihon”, um dos nomes pelos quais é conhecido o Japão. E o oganesson (Og, 118) é uma homenagem ao físico russo Yuri Oganessian, de 83 anos. Além dele, apenas uma pessoa recebeu um “tributo” na tabela periódica enquanto ainda vivo — o primeiro foi o químico americano Glenn Seaborg.

Anuncie em Nossas Pesquisas
Anuncie em Nossas Pesquisas

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA