Dídimo Santana e Wellington Araújo perdem eleições e estão fora do TRE-AM

Eleições realizadas na manhã desta terça-feira, dia 22, no Pleno do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM) produziram um resultado pouco comum na escolha de membros da Corte do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM).

Dois magistrados que concorriam à reeleição perderam a disputa. Wellington Araújo, que concorria à suplência na vaga de desembargador não foi reconduzido. Perdeu o lugar para o desembargador Jorge Lins.

Na vaga de titular, da cota de juízes, Abraham Campos Filho, desbancou Dídimo Santana.

Foto: Eraldo Lopes

ver mais notícias