Hapvida investe na área materno-infantil e deixa o hospital São Lucas de cara nova

Maior operadora de saúde do Norte/Nordeste do Brasil, com mais de 3,5 milhões de beneficiados, a Hapvida Saúde, tem intensificado seus investimentos na área materno-infantil.

FOTO DIVULGAÇÃO HAPVIDA FOTO DIVULGAÇÃO HAPVIDA

Completamente reconfigurado para o atendimento do público materno-infantil, o São Lucas recebeu investimentos que irão possibilitar aos seus usuários novos espaços, mais conforto e comodidade. O hospital disponibilizará unidades de terapias intensivas e neonatal, além de mais leitos, salas de emergência, cirúrgicas e de parto normal humanizado. Ao todo são 52 leitos e 450 profissionais atendendo em regime de 24 horas.

A operadora vem construindo novos hospitais nessa especialidade, modernizando equipamentos e unidades já existentes na rede e incorporando ao seu quadro de colaboradores profissionais capacitados e especializados nas mais diversas áreas da saúde.

No ano passado, o Hapvida investiu R$ 150 milhões nos estados onde atua. Em Manaus, recentemente inaugurou o Hospital Rio Negro, o maior da rede no Amazonas e referência nas áreas de Cardiologia e Neurologia. Atualmente, a operadora cuida de mais de 146 mil vidas o que, de acordo com a Agência de Saúde Suplementar (ANS), representa um market share de 25,9% em saúde e 13,2% em odontologia (dados de 2015).  investidos-construcao-Hospital-Rio-Negro_ACRIMA20140724_0052_23

Foto Divulgação Hapvida Foto Divulgação Hapvida

Os indicadores apontam um crescimento contínuo da Hapvida, mesmo em uma época de reorganização econômica do país onde, de acordo com previsões do Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS), muitas empresas do setor perderão usuários. Recente boletim do IESS, com base na ANS, informa que o mercado registrou uma perda de 236,21 mil beneficiários de planos de saúde no terceiro trimestre de 2015, em relação ao trimestre anterior.

Segundo estimativas de outra entidade que representa as operadoras de planos de saúde, a Associação Brasileira de Medicina de Grupo (Abramge), o segmento pode ter fechado 2015 com menos 500 mil usuários, levando-se em conta a variação de emprego e renda e também, o número de planos concedidos pelas empresas aos seus funcionários.

 

download

 

A corretora de seguros e saúde “PROVISA” empresa parceira à 10 anos,vem contribuindo muito para o crescimento do Hapvida em Manaus.  www.provisa.com.br

ver mais notícias